Donna Summer nega que tenha feito comentário homofóbico

Uma das cantoras mais adoradas pelos gays, Donna Summer deixou carta que esclarece uma polêmica. Ela teria dito em 1983 que a aids era um castigo divino para os gays.

O ativista Peter Staley divulgou a carta que a cantora, morta no mês passado, escreveu para a entidade arco-íris Act Up em 1989 explicando a controvérsia.

Meu empresário na época sentiu que minha vida e minha saúde emocional estavam em jogo, então não houve resposta.”

Desde então, porém, eu fiz inúmeras respostas e tenho falado abertamente para tentar esclarecer esse mal-entendido”, escreveu a estrela.

Eu não disse que Deus está punindo os gays com a aids. Eu não parei de falar com meus amigos que são gays, nem jamais escolhi meus amigos pelas suas preferências sexuais (sic)”, esclareceu a cantora que se tornou Cristã Nova no início dos anos 1980.

0 comentários :

Postar um comentário