Medicamento que evita HIV é menos eficaz em gays

Como já publicamos aqui, os Estados Unidos, por meio da Agência de Medicamentos (FDA), aprovou medicamento que evita a infecção pelo vírus HIV. O Truvada é uma combinação de dois antiretrovirais, usados para controlar o agente da doença em pessoas infectadas.

O problema é que, enquanto o número de redução de casos dentre heterossexuaisfoi de 75%, dentre gays e transexuais, o número foi de apenas 42%.

Isso porque a penetração, por causar mais lesões no reto em comparação do que acontece na vagina, deixa o passivo mais suscetível à infecção.

Por isso, não custa lembrar que a camisinha ainda precisa estar presente nas relações sexuais.

0 comentários :

Postar um comentário